domingo, 9 de outubro de 2011

Aniversário de John Lennon é comemorado com exposição


Uma exposição de desenhos e gravuras feitos pelo ex-Beatle John Lennon (1940-1980) celebra a partir desta sexta-feira em Nova York o aniversário do nascimento do músico, que completaria 71 anos no próximo dia 9 de outubro.
Com o título "Gimme Some Truth", a mostra acolhe uma centena de obras sobre papel, entre as quais há várias com teor erótico, disse a Agência Efe uma assessora da "Legacy Productions", entidade que organiza a exposição junto com a viúva de Lennon, Yoko Ono.
"Alguns dos desenhos pertencem a uma coleção que Lennon realizou por conta de seu casamento com Ono, e foram questionados por seu conteúdo erótico, embora nos dias de hoje, já não sejam polêmicos", disse a Agência Efe uma das responsáveis pela organização, Madeleine Schwartz.
A exposição, cujo título homenageia uma das canções do álbum "Imagine" (1971) de Lennon, permanecerá até o dia 10 de outubro em um prédio do bairro de Soho.

Todas as obras estão à venda por um preço entre US$ 200 e US$ 20 mil, mas os que somente desejam ver a obra, podem fazer isso de forma gratuita ou em troca de um donativo de US$ 2, que será destinado à organização beneficente Citymeals-on-Wheels, dedicada a fornecer alimentos a idosos de Nova York, informou a organização.

Embora seu lado artístico seja menos conhecido que o musical, Lennon se formou como artista plástico: antes se transformar em um Beatle, iniciou estudos de belas artes na escola de arte e desenho de Liverpool (Inglaterra), sua cidade natal.

O ex-Beatle nasceu no dia 9 de outubro de 1940 e morreu em 8 de dezembro de 1980 na frente da sua casa, no edifício Dakota, situado em frente ao Central Park, após receber oito tiros de Mark David Champan, que ainda cumpre pena pelo assassinato de John.

Sean Ono Lennon, filho de Yoko e John Lennon, também fará aniversário no dia 9 de outubro (36 anos).

Também por causa do aniversário do nascimento de Lennon, Ono irá até Reykjavik, capital da Islândia, no dia 9 de outubro para acender, como fez no ano passado, a torre "Imagine Peace", em memória do músico.

Fonte: Aqui.

Nenhum comentário: